Tem uma empresa de advocacia? Veja como se destacar em meio à tanta concorrência e aproveite para colocar em prática.

 

A quantidade de empresas de advocacia faz com que a concorrência seja muito acirrada, tornando difícil se destacar em meio à multidão. Para garantir que isso aconteça, no entanto, é essencial ter uma estratégia consistente e também adotar ferramentas e tecnologias que vão ajudar nesse processo.

 

Para se destacar é preciso mais do que garantir que a sua empresa de advocacia tem os melhores profissionais. É necessário ter um olhar mais amplo, que vai além da qualidade do serviço prestado, usando ferramentas que auxiliem em uma melhor experiência do cliente, visibilidade e segurança da empresa. Quer mais dicas? Temos cinco sugestões a seguir.

 

1-) Inove

A palavra inovação deve estar constantemente no seu escritório. Ficar preso a projetos, programas e máquinas do passado só vão atrapalhar a produtividade do time. Por isso, esteja sempre aberto a métodos e soluções novas. Além de agilizar o dia a dia de trabalho, você consegue oferecer um serviço melhor para o seu cliente.

Uma boa forma é ter computadores e demais equipamentos sempre atualizados. Toda empresa, independentemente do porte, precisa estar devidamente equipada. Afinal, o trabalho depende desse tipo de material. Se estiver no início e ainda não possuir o montante necessário para esse investimento, uma boa maneira é apostar no aluguel de equipamentos.

 

Você paga uma mensalidade e escolhe as melhores máquinas – e que estejam adequadas para o tipo de trabalho que você executa.

 

2-) Esteja atualizado

Ter todos os programas atualizados é essencial. Afinal, uma empresa de advocacia precisa constantemente de programas necessários para o dia a dia de trabalho, como Word, Excel e Power Point, entre outros.

Uma boa dica, porém, é optar por pacotes com solução em nuvem, o que garante mais mobilidade e eficiência. Pense no Office 365, ferramenta de softwares de escritório mais famosa do mundo.

 

3-) Acerte na escolha

Assim como os equipamentos, os serviços de internet e de telefone devem ser adequados para o seu negócio. Ou seja, eles precisam estar de acordo com o volume de trabalho e com os objetivos do seu escritório. Sendo assim, evite contratar planos de pessoa física. Isso porque eles foram feitos para outros objetivos. Os corporativos têm características especialmente pensadas para esse universo.

 

4-) Mobilidade é tudo

Ter arquivos em uma nuvem, por exemplo, facilita muito o trabalho. Isso é mobilidade. Você e a sua equipe podem trabalhar remotamente com todos os itens em segurança. Inclusive, o modelo cloud não se limita a isso. Há uma série de serviços que podem ser feitos a partir desse tipo de tecnologia.

Cloud Computing, modelo também conhecido como computação em nuvem, traz diversas soluções sob medida para escritórios. Uma de suas principais características é o nível de escalabilidade. Ou seja, você consegue aumentar ou diminuir a quantidade de espaço que possui na nuvem. Isso de um jeito simples, sem pagar taxas ou esperar muito tempo.

 

O modelo possui ainda três formatos específicos. A escolha varia de acordo com a necessidade do seu escritório:

IaaS — Infraestrutura como Serviço: infraestrutura virtual para hospedar aplicações, dados e informações importantes, sendo desnecessário se preocupar em ter um ambiente físico para fazê-las funcionar, como servidores ou uma rede. Ou seja, o cliente só paga o que precisa usar, de acordo com a capacidade desejada.

SaaS — Software como Serviço: o empresário contrata por uso do software e não pela sua licença. Tudo acontece online, sem a necessidade de instalações de programas. Basta estar conectado à internet para conseguir acessar o programa desejado. Inclusive, também não é preciso fazer atualizações.

PaaS — Plataforma como Serviço: é um meio-termo entre IaaS e SaaS. Ou seja, tem uma infraestrutura disponível e também utiliza software. No entanto, a plataforma contratada permite que você crie aplicações dentro dela, por meio de tecnologias desenvolvidas para esse fim.

E as vantagens da nuvem?

Trata-se de uma opção prática e segura, uma vez que há padrões específicos para garantir a proteção dos dados. Por isso, procure um fornecedor capaz de oferecer tais garantias e também um suporte eficiente.

Além disso, existe também uma flexibilidade de custos. Como não há necessidade de usar servidores locais para armazenar os dados, dispensa-se o uso de um espaço físico, economizando recursos próprios de refrigeração, iluminação e gestão do ambiente.

5-) Segurança para a sua empresa de advocacia

Garantir a segurança de dados dos clientes é essencial para empresas de qualquer setor, mas este tema se torna ainda mais sensível em se tratando de empresas do ramo de advocacia. Isso porque muitas informações sensíveis sobre os clientes ficam com os advogados.

Por isso, garantir a segurança desses dados é essencial para se destacar nesse meio, já que um vazamento de informações pessoais pode acarretar uma mancha difícil de ser removida na marca da empresa.

Para garantir a segurança cibernética dos escritórios, considere pesquisar o vasto portfólio existente na internet que leva em consideração toda a jornada das informações, há desde opções que monitoram o Wi-Fi até filtros de web para colaboradores acessarem apenas sites permitidos. Tenha em mente que contratar esse tipo de estrutura é essencial e pode prevenir muitos problemas graves.

E aí, ficou mais claro como a sua empresa de advocacia pode usar a tecnologia para se destacar no mercado? Há uma série de possibilidades. Adotá-las certamente é uma boa decisão.

 


 

O que acha de aproveitar e conhecer os planos de divulgação aqui da plataforma Tá Contratado? Confira aqui.

Compartilhar:

Comentários

Deixe um comentário

Entrar

Cadastrar




Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.